terça-feira, 22 de dezembro de 2009

50 Melhores Solos de Rock - Rank da Revista Guitar World


Guitar World fez um Rank dos 50 Melhores Solos de Rock and roll da historia.


50) "Shock Me" (Ace Frehley) - Kiss Alive II, 1977


49) "Europa" (Carlos Santana) - Carlos Santana Amigos, 1976


48) "Sympathy for the Devil" (Keith Richards) - Rolling Stones Beggars Banquet, 1968


47) "Jessica" (Dickey Betts) - Allman Brothers Band Brothers and Sisters, 1974


46) "Hot For Teacher" (Edward Van Halen) - Van Halen 1984, 1984


45) "Light My Fire" (Robby Krieger) - The Doors The Doors, 1967


44) "Alive" (Mike McCready) - Pearl Jam Ten, 1991


43) "Sharp Dressed Man" (Billy Gibbons) - ZZ Top Eliminator, 1983


42) "While My Guitar Gently Weeps" (Eric Clapton) - The Beatles The Beatles (White Album), 1968


41) "Brighton Rock" (Brian May) - Queen Sheer Heart Attack, 1974


40) "Reelin' in the Years" (Elliot Randall) - Steely Dan Can't Buy a Thrill, 1972


39) "Cortez the Killer" (Neil Young) - Neil Young and Crazy Horse Zuma, 1975


37) "Sweet Child O' Mine" (Slash) - Guns N' Roses Appetite for Destruction, 1987


36) "Black Star" (Yngwie Malmsteen) - Yngwie Malmsteen Rising Force, 1984


35) "Cemetary Gates" (Dimebag Darrell) - Pantera Cowboys from Hell, 1990


34) "Paranoid Android" (Johnny Greenwood) - Radiohead OK Computer, 1997


33) "The Thrill is Gone" (B.B. King) - B.B. King Completely Well, 1969


32) "Machine Gun" (Jimi Hendrix) - Jimi Hendrix Band of Gypsys, 1970


31) "Stranglehold" (Ted Nugent) - Ted Nugent Ted Nugent, 1975


30) "Surfing with the Alien" (Joe Satriani) - Joe Satriani Surfing with the Alien, 1987


29) "For the Love of God" (Steve Vai) - Steve Vai Passion and Warfare, 1991


28) "Mr. Crowley" (Randy Rhoads) - Ozzy Osbourne Blizzard of Ozz, 1981


27) "Pride and Joy" (Stevie Ray Vaughan) - Stevie Ray Vaughan Texas Flood, 1983


26) "Smells Like Teen Spirit" (Kurt Cobain) - Nirvana Nevermind, 1991


25) "Aqualung" (Martin Barre) - Jethro Tull Aqualung, 1979


24) "Fade to Black" (Kirk Hammett) - Metallica Ride the Lightning, 1984


23) "Bulls on Parade" (Tom Morello) - Rage Against the Machine Evil Empire, 1996


22) "Sultans of Swing" (Mark Knopfler) - Dire Straits Dire Straits, 1978


21) "Time" (David Gilmour) - Pink Floyd Dark Side of the Moon, 1973


20) "Bohemian Rhapsody" (Brian May) - Queen Night at the Opera, 1975


19) "Floods" (Dimebag Darrell) - Pantera The Great Southern Trendkill, 1996


18) "Little Wing" (Jimi Hendrix) - The Jimi Hendrix Experience Axis: Bold as Love, 1968


17) "Cliffs of Dover" (Eric Johnson) - Eric Johnson Ah Via Musicom, 1990


16) "Heartbreaker" (Jimmy Page) - Led Zeppelin Led Zeppelin II, 1967


15) "Highway Star" (Ritchie Blackmore) - Deep Purple Machine Head, 1972


14) "Layla" (Eric Clapton, Duane Allman) - Derek and the Dominos Layla and Other Assorted Love Songs, 1970


13) "Texas Flood" (Stevie Ray Vaughan) - Stevie Ray Vaughan Texas Flood, 1983


12) "Johnny B. Goode" (Chuck Berry) - Chuck Berry His Best, Volume One, 1997


11) "Voodoo Child (Slight Return)" (Jimi Hendrix) - Jimi Hendrix Experience Electric Ladyland, 1968


10) "Crossroads" (Eric Clapton) - Cream Wheels of Fire, 1968


9) "Crazy Train" (Randy Rhoads) - Ozzy Osbourne Blizzard of Ozz, 1981


8) "Hotel California" (Ben Felder, Joe Walsh) - The Eagles Hotel California, 1976


7) "One" (Kirk Hammett) - Metallica ...And Justice for All, 1988


6) "November Rain" (Slash) - Guns N' Roses Use Your Illusion I, 1991


5) "All Along the Watchtower" (Jimi Hendrix) - The Jimi Hendrix Experience Electric Ladyland, 1968


4) "Comfortably Numb" (David Gilmour) - Pink Floyd The Wall, 1979


3) "Free Bird" (Allen Collins, Gary Rossington) - Lynyrd Skynyrd pronounced 'lĕh-'nérd 'skin-'nérd, 1973


2) "Eruption" (Eddie Van Halen) - Van Halen Van Halen, 1978


1) "Stairway to Heaven" (Jimmy Page) - Led Zeppelin Led Zeppelin IV, 1971


O que vocês acharam mandem os comentários !!!


Sites e Blogs interessantes - Feliz Natal !!! Hô!Hô!Hô !!!



Radio Web Lágrima psicodélica
http://lagrimapsicodelica.blogspot.com/

Guitar world Lessons
http://www.guitarworld.com/articles/lessons

Site dos Baixistas
http://baixista.com.br

Van Halen Blog
http://van-halen5150.blogspot.com/


Piloto de Baixo Eletrico
http://nukebass.blogspot.com/

Seres da Noite
http://seres-da-noite.blogspot.com/

Boteco dos Bloggers
http://botecodosbloggers.blogspot.com/

Hard & Heavy

Gravetos & Berlotas

Fuxucamarimbondo Rock 'n' Geral

O Pântano Elétrico

Fireball

Let's Rock

STAY ROCK

Rockkk and Rulezzzz

Progshine

HD da Guitarra



Em breve um listão muito massa e atualizado!!!


Feliz Natal Aos Guitarristas de Plantão!!! Hô!Hô!Hô !!!

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Novidades



Olá galera do blog, estou passando para falar um pouco sobre as novidades do Blog que estão por vir e também minha vida atualmente.

Quando começei a escrever este blog pensei em desistir várias vezes, pensando será que alguém vai ler? Pois essa é a pergunta chave para muitos blogueiros.

Mas persisti e atualmente atingi muitas visitas para um blog de Música, Informação e não um blog de downloads de CDs ou Filmes que fazem muito sucesso.

Atualmente estou cursando uma facudaldade de Tecnologia de Informação, Trabalhando na Área de Tecnologia, Casado, Pai de uma Filhinha, sou Professor de Guitarra e Violão, Guitarrista de uma banda e blogueiro nas horas vagas. "E jogo futebol toda Sexta e Sábado - Aliás o meu time de coração o Ceará está rumo a 1ª Divisão do Brasileiro" O que me faz muito feliz

O tempo realmente está muito corrido, mas a vida é muito curta e temos que aproveitar o tempo.

O Blog apesar de ter um material interessante, tem muita coisa que ainda quero colocar nele, o site Mestre da Guitarra que ficou um ano no Ar, está sendo reformulado e não mais será Mestre da Guitarra e sim um novo nome abrangendo outros instrumentos como Baixo, Violão e Batera. O programa Mestre da Guitarra está sendo desenvolvido e em breve começaremos a filmar - que será um programa de entrevistas com músicos e bandas e uma sonzera legal.

A faculdade que estou fazendo de TI está ampliando minha visão sobre o que eu posso fazer com a música na Net.

Caros amigos deste blog, vou levar a frente este projeto que já me deu tantas amizades boas e aprendizado. Por isso aguardem grandes e boas novidades.

Posso não ter tempo para dar aulas individuais a cada leitor, mas o fator multiplicador de uma informação dentro deste blog pode mudar muitas vidas atráves do conhecimento.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Novation Launchpad

E agora nada como um pouco de música para descontrair e quem gosta de produção musical vejam a versatilidde desse controlador de MIDI Launchpad da Novation promete animar a vida dos DJs que utilizam o Ableton Live.

Deverá estar disponível já este mês, por cerca de $200 USD.

Dica de Site - Música e Audio

Olá amigos venho nesse post dar uma ótima dica de site que é o "Música e Audio" - site de Produção musical com aulas em vídeo. Show de Bola!!!

Review


Para quem não conhece o blog ainda ai vai um post com links de matérias e aulas interessantes!!!


Afinação de Guitarra
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/04/afinao-da-guitarra.html

Anatomia da Guitarra
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/04/anatomia-da-guitarra.html

Guia de Estudo
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/04/guia-de-estudo-por-jota-sabia.html

100% Jimmy Page
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/02/100-jimmy-page.html

Escala Maior Natural
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/02/escala-maior-natural.html

Joe Satriani - Ligados
http://mestredaguitarra.blogspot.com/search/label/Joe%20Satriani

Acordes Maiores
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/04/violo-bsico-acordes-bsicos.html

Metrônomo online
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/04/metrnomo-online.html

SISTEMA CAGED
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/05/sistema-5-sistema-c-g-e-d.html

Formação de Acordes - Formulas
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/05/harmonia-formao-de-acordes-frmulas.html

Quadro de Acordes
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/05/quadros-de-acordes.html

Reharmonização e Utilização de Acordes
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/05/harmonia-reharmonizao-e-utilizao-de.html

Two Hands Pentatônicos
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/05/two-hands-pentatnicos-por-jota-sabia.html

Cleber Toss - Aula Especial
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/05/cleber-toss-guitarrista-da-banda.html

Tirando solo - B.B.KING
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/blues-de-bbking-tirando-solo.html

O Mundo dos Arpejos
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/o-mundo-dos-arpejos-parte-i-por-jota.html

Como Montar um SETUP
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/como-montar-um-setup.html

Setup - Que efeito usar?
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/setup-que-efeito-usar.html

SETUP de GUITARRA
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/setup-de-guitarra.html

Tirando solo - DEEP PURPLE - Haunted
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/haunted-deep-purple-tirando-solo.html

Licks em Pentatônica
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/06/licks-em-pentatnica.html

Dicas de Blues - Parte I
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/07/dicas-de-blues-parte-i-aula-com-vdeos.html

Dicas de Blues - Parte II
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/07/dicas-de-blues-parte-ii-aula-com-vdeos.html

O Mundo dos Arpejos - Parte II
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/07/o-mundo-dos-arpejos-parte-ii-por-jota.html

Rafael Nery - Aula Especial
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/07/novo-site-de-rafael-nery-com-vdeos-e.html

Homenagem ao Grande Mestre WANDER TAFFO
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/07/uma-homenagem-ao-grande-mestre-da.html

O SEGREDO das PENTAS
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/08/os-segredos-das-pentas-por-jota-sabia.html

Junção de Arpejos
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/09/juno-de-arpejos-por-jota-sabia.html

Arpejos com Sétima - Lucas Franco - Aula Especial
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/09/arpejos-com-stima-por-lucas-franco.html

Licks em Menor Harmônica
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/10/licks-em-menor-harmnica-por-jota-sabia.html

Escala Menor Harmônica - Tudo Mastigado!!!
http://mestredaguitarra.blogspot.com/2008/10/escala-menor-harmnica-tudo-mastigado.html

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Sergio Rosar




Captadores Sergio Rosar


Olá amigos sou Jota Sabóia e nesse post vou falar um pouco sobre os Captadores que sou Endorse. Dentre eles estão o Twin Vintage e o Rock King do Sergio Rosar Pickups. Tive a oportunidade de fazer uma parceria o Sergio junto com o lançamento do Site Mestre da Guitarra, que no momento está sendo reformulado e voltará ao Ar em breve com Cara nova em outro post falarei sobre isso. Mas voltando aos Captadores que diferença isso pode gerar em termos de som. Para mim fez uma grande diferença dentre as apresentações e workshops que tenho feito, tocar apenas com o som da guitarra limpa já é um barato, imagina quando temos mais qualidade, diversidade de Timbres e uma guitarra customizada.

Aqui veremos algumas fotos da minha Guitarra nova que é uma Squier da Fender, customizada com um Captador Sergio Rosar Twin Vintage, gostei muito do timbre para tocar bases com som limpo e com Leve Distorção. Também uso para tocar Jazz e Blues da para se obter um excelente resultado.



Captador da Fender que veio nela
Grande Mairton Luthier


Quase Pronta




Resultado Final com o Twin Vintage já instalado


Eu Feliz da Vida Tirando um Som


Obs: Já mandei fazer mais Guitarra nova em breve as fotos delas também estarão aqui, ainda não sei quais serão os Captadores mas vem novidade por ai!!!
Confira o novo Captador

ROCK SURF 43

No site :

WWW.SERGIOROSAR.COM


Abraço e até mais!!!
Jota Sabóia

Captadores

Captadores

Captadores magnéticos

Detalhe dos captadores de uma guitarra padrão Stratocaster.

Humbucking (ponte) e Single-coils (centro e braço)

A maioria das guitarras atuais utiliza captadores desta natureza. O captador de guitarra tem função de

transformar as ondas mecânicas produzidas (o som), principalmente produzidas por cordas, em ondas elétricas. Existe uma grande quantidade de tipos e qualidades de captadores no mercado, eles são habitualmente classificados levando em conta suas características técnicas: Quanto à alimentação, dividem-se em captadores ativos e captadores passivos; quanto ao número de bobinas, dividem-se em captadores simples (single-coils), captadores duplos (humbuckings) ou quádruplos (quad-rail); poder ser divididos ainda, quanto ao material magnético, em captadores cerâmicos e captadores de alnico;

Captadores passivos

Não necessitam de alimentação elétrica (fonte de energia elétrica) para funcionarem. Apresentam grande integração com os demais materiais da guitarra. Enorme variedade de timbres e qualidades. Em maioria são de alta impedância e captam interferências diversas com facilidade.

Os captadores são na verdade uma bobina, ou seja, consistem de magnetos enrolados por um fio (coil) criando assim o campo magnético que é perturbado pelas cordas de metal ao vibrarem em freqüências diferentes, tal perturbação

no campo magnético gera o impulso elétrico que mais tarde é convertido em som (onda mecânica).

Captadores ativos

Necessitam de alimentação para funcionarem. Integração reduzida com os materiais da guitarra. Sons uniformes, previsíveis e pequena variedade de timbres. Captam menor interferência por terem menor impedância.

Captadores cerâmicos

São feitos com material mais barato e são mais comuns no mercado.

Captadores de Alnico

São feitos com materiais mais caros e selecionados, sua qualidade normalmente é superior aos cerâmicos. Os imãs dos núcleos são feitos de uma liga de Alumínio, Niquel e Cobalto. Existem vários tipos de Alnico dependendo da percentagem dos componentes em sua mistura. O mais comum em captadores são os Alnico II e o V. Magnetos compostos de alnico tendem a soar mais vintage. São também comumente mais caros devido à matéria prima.

Captadores simples (single-coils)

São estruturados apenas com uma bobina. São mais sensíveis às interferências que causam ruídos. Em geral, o timbre resultante tende a ser mais limpo, brilhante, estalado e estridente em comparação com os humbuckers. Um exemplo do uso de captadores single é o timbre das guitarras Fender.

Captadores duplos (humbuckings ou humbuckers)

São estruturados com duas bobinas em um só corpo. Normalmente as duas bobinas funcionam em polaridades inversas. Assim cada uma elimina parte do nível de ruído da outra. Essa interação também altera a resposta tonal do captador, o que lhe confere um som diferente daquele produzido por um captador single-coil. Em geral, o timbre resultante tende a ser mais cheio, vigoroso, macio e adocicado em comparação com os single-coils. Um exemplo do uso de captadores duplos é o timbre imort

alizado pelas guitarras Gibson Les Paul.

Alguns captadores duplos apresentam a mesma aparência externa tradicional dos captadores simples, pois possuem as duas bobinas empilhadas, a exemplo dos modelos HS-2 e HS-3 da Dimarzio e a série Noiseless da Fender.

Captadores quad-rail

São estruturados com quatro bobinas em um só corpo.


Algumas marcas mais utilizadas de Captadores:

DiMarzio
Paul Gilbert, John Petrucci (Dream Theater), Adrian Smith (Iron Maiden).
Em inglês.

EMG
Kirk Hammet (Metallica), Zakk Wylde (Ozzy), Tom Hamilton (Aerosmith). Em inglês.

Fender Accessories
Stevie Ray Vaughan, Eric Clapton, Jeff Beck. Em inglês.

Fishman
Eric Johnson, Steve Howe (Yes), Larry Carlton.
Em inglês.

Gibson
O peso da marca já endossa a qualidade desses pickups. Apesar de alguns modelos já terem se tornado uma lenda no meio musical, não custa nada citar nomes como Angus Young e Tony Iommi como usuários.
Em inglês.

Gibson Pickups
Angus Young (AC/DC), Toni Iommi (Black Sabbath). Em inglês.

Lace
Eric Clapton, Shawn Lane, Don Teschner (Rod Stewart).
Em inglês.

Seymour Duncan
Paul Stanley (Kiss), Joe Perry (Aerosmith), Slash (ex-Guns and Roses).
Em inglês.

Shadow Piezo Pickups
Steve Morse, Chet Atkins, Jim Hall. Em inglês.

Fábricas Brasileiras:

Sergio Rosar Pickups
Após intensivos estudos comerciais e técnicos, a Sergio Rosar Custom Pickups nasce com a finalidade de atender os músicos Brasileiros mais exigentes, que esperam ter em mãos um produto da mais alta qualidade com o melhor custo benefício possível (Preço versus Qualidade). A gama de produtos tem crescido de forma consistente e surpreendido grandes nomes da Guitarra.

Malagoli
Desde 1965 no mercado musical nacional, a empresa vem superando expectativas com seus pickups de altíssima qualidade. A qualidade profissional e o preço acessível provam que nem todos os bons captadores estão fora do Brasil. Vale à pena conferir!

Cabrera Pickups

Uma empresa que se dedica a fabricar captacão de instrumentos musicais e acessórios, sempre com a visão de criar e fabricar produtos com qualidade internacional a preço nacional, em busca constante de novas tecnologias, materiais e tendências mundiais.



Espero que gostem e até mais!!!

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Veja o que é possível fazer com Samples

Veja o que é possível fazer com Samples
A arte aqui é o uso de samples (amostras) de sons; Ford toca vários instrumentos, objetos e vozes apenas uma vez, e esses sons automaticamente entram em loop na base instrumental, em cima da qual Ford canta. Uma idéia simples no conceito, mas muito bem executada. Obra do criativo David Ford, o videoclipe da canção “Go To Hell“.


PAM : Produção Áudio e Música

Na mais recente edição do PAM: Produção Áudio Música, falou-se muito sobre Educação, com os pontos de vista de três gerações de técnicos e de produtores. E comprova-se a máxima de que “quanto mais se mudam as coisas, mais elas permanecem as mesmas”.

Vamos aos vídeos:


















Site do PAM : www.producaoaudiomusica.com

A música e o Conhecimento – Jota Sabóia

A música e o Conhecimento – Jota Sabóia

A cada dia percebo que o conhecimento é a melhor saída para quem quer realmente sobreviver dignamente em qualquer área e além de sobreviver destacar-se no mercado. Um erro que tenho percebido e que muitas vezes tropecei nele é o de estudar apenas o meu instrumento principal, no meu caso a guitarra. Onde está o erro nisso? Reconheço que desenvolvi muito em aspecto técnico, teórico e pratico trancado ao longo dos anos em meu quarto, porém quando precisei Gravar o meu som, não digo em estúdio mas em casa mesmo já que tenho um PC, placa de Som e os Softwares de Gravação, esbarrei na falta desse conhecimento. O que você quer dizer com isso? É errado ficar só estudando guitarra ou meu instrumento? Não, só acho que amanhã será muito útil ter um leque maior de conhecimentos e tenho aprendido que para ser um músico mais completo tem que fazer um esforço maior para estudar novas tecnologias. Mesmo que você grave seu CD em um Estúdio renomado ou em um Simples, seu conhecimento sobre Gravação e Áudio em Geral , Produção Musical vai lhe ajudar a chegar em um melhor resultado final do seu CD, algo que realmente lhe agrada. Voltando ao ponto inicial, o conhecimento é uma boa solução já que pessoas perdem muito tempo com outras coisas, ganhar tempo com leitura, aprender sobre Produção Musical, Gravação, Edição, Masterização e Mixagem , também fazer uma faculdade lhe ajudará bastante a fazer uma boa Rede de Amigos que muitas vezes abrirão portas através de idéias, contatos, ajuda e apoio em Geral. Enfim todo conhecimento adquirido nos torna um músico mais completo, maduro e preparado para o Mercado.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

A arte da Gravação ( Parte I ) – Jota Sabóia


A arte da Gravação ( Parte I ) – Jota Sabóia

“Desde os primórdios até hoje em dia o homem já faz o que o Macaco fazia”- Titãs. Lembro-me de ter ouvido isso pela primeira vez em um toca fita, Fita K-7 quem não lembra? Minhas primeiras experiências com Gravação partiram por ai. Com um pequeno gravador de fita, tirava um som, gravava e saia feliz da vida.

Só que a arte da Gravação é assunto para poucos. Hoje em dia os recursos são tantos que não dá tempo para acompanhar. Vários softwares foram desenvolvidos, como os famosos programas Sound Forge, Acid pro, Cakewalk Sonar, Cubase, Pro Tools e muitos outros.

A Grande novidade hoje em dia é a queda do monopólio das Grandes Gravadoras e o nascimento do Home Estúdios e selos independentes.

Nessa série de matérias que farei sobre a arte da Gravação não falarei muito sobre história e evolução da Gravação, pois isso você encontra na própria internet. Mas darei dicas essenciais e mais praticas de como você pode ter um melhor resultado em seu Home Estúdio.

Então vamos ao que interessa,

Melhores Programas para Gravação, Edição, Mixagem e Masterização:


Sound Forge, formalmente conhecido como Sonic Foundry Sound Forge ou Forge, é um programa de computador que edita e cria áudio digital. É recomendado ao uso profissional e semi-profissional do mercado de gravadoras e estúdios de gravação. A partir da versão 7 tornou-se Sony Sound Forge, em razão da compra de seus direitos pela poderosa Sony. Hoje está na Versão 9 e é uma ferramenta essencial a todos editores e produtores de áudio.



Steinberg Cubase é um programa para gravação e produção musical. O programa oferece gravação, produção e mixagem de sons para produção de CD musical ou distribuição na Internet.



Sony ACID Pro é um software seqüenciador de música baseado em loops, originalmente publicado pela Sonic Foundry, agora pertencendo a Sony. Este software roda em PCs de todas as versões do Microsoft Windows desde o Windows 2000. É uma ferramenta poderosa na edição de áudio que pode estender ou diminuir som sem alterar seu timbre. ACID Pro atualmente inclui mais de vinte efeitos de áudio em DirectX, emprega a nova tecnologia Media Manager, a ferramenta Beatmapper, e a ferramenta Chopper, assim como a habilidade de mixar em canal surround 5.1.



Pro Tools é uma estação de trabalho em áudio digital que integra hardware e software, que é muito usada por profissionais na produção de música, pós-produção, em filmes e na TV. É feita pela Digidesign, uma divisão da Avid Technology. Atualmente encontra-se uma gama de novidades em termos de Placas de Som, Interfaces USB, Teclados Controladores e uma grande e interessante linha de produtos desenvolvidos pela DIGIDESIGN.



FL Studio (anteriormente Fruity Loops) é um programa de produção musical idealizado pela Image-line, que atualmente se encontra na oitava versão. O Fruity Loops tem as características de um estúdio profissional, com a qualidade digital e a versatilidade do PC. Isso permite que pessoas sem muitos recursos, mas com criatividade e Ouvido Musical se dediquem à criação musical, independentemente do estilo preferido.


Reason é um popular Estúdio Virtual de síntese de som desenvolvido pela empresa sueca Propellerhead Software. A aplicação simula um rack de sintetizadores de hardware, processadores de sinal, misturadores, etc, imitando assim o funcionamento real da produção de música eletrônica. Pode-se criar, por exemplo, uma seqüência de bateria e depois salva-la como arquivo de extensão wave para ser editado em outros aplicativos. A versão atual é a 4.0, com recursos ainda melhores que os das versões anteriores. Cria-se todo o arranjo para uma música através de seus racks e patches.


Cakewalk Sonar 8 Studio Edition - áudio / sequenciador MIDI para gravar, compor, edição, mistura e masterização, novas funcionalidades: Loop Explorer 2.0, Dedicado Instrumento Track, SONAR Performance Optimizations, User Interface otimizações, Clip Selecção Grupos , Live Effects e Soft Synth Gravação.



Esses são alguns dos softwares de Gravação a idéia é Explorar um pouco de cada um deles e você aos poucos ver o melhor programa que se encaixa em sua proposta de Gravação, em seu PC ou em seu Home Estúdio.

Tentarei compartilhar e passar um pouco do que tenho aprendido nesses anos que venho mexendo nesses programas e tentar mostrar alguns resultados e dicas que vocês verão na prática a diferença.


Até a próxima!!!

Clipe do G3

Olá amigos achei um clip feito por um designer fã do Oficina G3 que ficou muito bom o resultado e recomendo:

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

AUDIOJUNK


Tudo que você procura sobre programas de Audio e VSTi, Plugins, Loops e Samplers, enfim muito material sobre Gravação, Edição, Mixagem e Vídeo Aulas de Softwares de Gravação você encontra no Blog Audiojunk. Além de ter um Excelente conteúdo o Audiojunk é um Blog Parceiro do Blog Mestre da Guitarra e ao meu ver o Audiojunk é referência para os músicos. Sendo um espaço onde aprendi muito sobre Gravação e Produção Musical em Geral.

Se você está començando a usar programas de Gravação ou já é veterano no assunto vale a pena dar uma conferida no audiojunk!!!


http://www.audiojunk.net/


E agora o Audiojunk também conta com um FÓRUM onde podemos aprender muita coisa sobre produção musical!!!

http://forum.audiojunk.info/


Bom proveito e Até mais !!!

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Feira da Música 2009

Escalas Exóticas – Japanese Scales - Por Jota Sabóia


Escalas Exóticas

Para sair do ponto comum e explorar novas possibilidades de sons, intervalos, essas escalas são ideais para “desintoxicar”. Vi esse termo sendo usado uma vez por Mozart Mello em uma matéria e a partir daí entendi que muitas vezes rodamos em círculos e ficamos tocando sempre as mesmas escalas, os mesmos licks e os mesmos solos.

Se você pensa que só desenvolve na Guitarra pegando solos difíceis do Paul Gilbert, Joe Satriani e Steve Vai, está enganado!!! Esses três que citei são Mestres e Gênios na guitarra sem dúvida, mas aonde está o erro? Muitas vezes a ansiedade de tocar bem atrapalha e atropela os níveis, alguém do nível básico quer tirar um solo do nível avançado e esbarra na Muralha da técnica achando difícil o solo e nunca mais pegando ele. A dica é: Tirar solos e melodias básicas de músicas simples, e assim vai motivando-se mais a cada solo conseguido e chegando mais longe.

E as escalas Japonesas ?

Como o Mestre Mozart já disse: É preciso desintoxicar

E o remédio vou te passar é uma receita diferente, que vai melhorar bastante seu Som e enriquecer seus solos.

Escala Hirajoshi

A primeira escala Japonesa que passarei é a “Escala Hirajoshi” e mostrarei 2 desenhos.

Hirajoshi é uma pentatônica que possui uma estrutura de intervalos disposta em

( Tom – Semitom – 2 Tons – Semitom – 2 Tons ). Isto significa que a escala Hirajoshi tem Um Tom de distância da primeira nota para a segunda , um SemiTom de distância da segunda nota para a terceira, Dois Tons de distância da terceira nota para a Quarta, Um Semitom de distância da Quarta para a Quinta nota da escala e finalizando Dois Tons da Quinta para a Sexta nota da escala.

Veremos os exemplos na Tonalidade de “A – Lá”, em que temos na Escala as seguintes notas: (A – B – C – E – F – A).

A fórmula para essa escala é ( 1 - 2 - b3 – 5 - b6 ), o que significa:

1 = Fundamental, 2 = Segunda Maior, b3 = Terça Menor , 5 = Quinta Justa e b6 =Sexta Menor.

A teoria pode ser aparentemente difícil mais é o mais importante, pois com a teoria de formação da escala você a encontra em qualquer parte do Braço sem precisar decorar Desenhos. Mas os desenhos também ajudam muito. Vamos aos desenhos:

Exemplo 1:

Exemplo 2:

Exemplo 3 – Junção do Ex1 e Ex2:

Faça aqui o download das figuras dos Exercicios e essa aula em Word e os Arquivos em Guitar pro 5 .

Download





Escalas Exóticas - Escalas Japonesas

Por Jota Sabóia

jotasaboia@mestredaguitarra.com.br

Jota Sabóia Dúvidas e perguntas, bate papo e colaborações para: Email e MSN: jsaboia777@hotmail.com

Me adicionem no MSN e entrem na comunidade do Orkut: Comunidade no Orkut Link

Apoio:







Bem amigos espero que gostem, muito estudo e até mais!!!

sábado, 4 de julho de 2009

O projeto música solidária fez a doação dos alimentos para o Bairro Vicente Pinzón

O projeto música solidária fez a doação dos alimentos para o Bairro
Vicente Pinzón



O projeto música solidária fez a doação dos alimentos para a liderança comunitária do Bairro Vicente Pinzón, eu Jota Sabóia entreguei pessoalmente os alimentos arrecadados do evento Música Solidária ao lider comunitário Kiko, que agradeceu em nome da comunidade e tivemos uma conversa sobre os problemas do Bairro que foi um dos mais atingidos pelas Chuvas intensas na cidade de Fortaleza, visitei a comunidade e vi barracos de taipa cobertos com papelão e sacos plásticos, vi crianças com o pé no chão e com apenas uma roupinha simples e suja. A comunidade sofreu bastante com as chuvas e enfim não preciso falar muito até porque não sou político, mas o legal é que além de tocar e tirar um som ainda foi possível ajudar a quem realmente precisa.

Para quem quer saber um pouco sobre o que eu estou falando veja esta matéria no Jornal Diário do Nordeste de Fortaleza CEARÁ:

O Portal de Música Mestre da Guitarra agradece a todos que participaram de forma direta ou indireta deste Evento e todas as Bandas Também e diante mão avisa que vem mais por ai.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Ron Thal Bumblefoot - Guitar player lesson






Ron Thal Bumblefoot





Em minhas andanças na internet, achei uma vídeo aula de um cara chamado Ron Thal Bumblefoot e de cara gostei do trabalho desse guitarrista ao ver os esquemas diferenciados e avançados de Two-hands que ele faz na guitarra e ao continuar pesquisando descobri que ele é o novo guitarrista do Guns N'Roses.

"Ron Thal, ex-integrante do BUMBLEFOOT, banda de Rap/Metal radicada em Nova Iorque, é o novo guitarrista do GUNS N'ROSES. Na realidade, BUMBLEFOOT se trata do nome artístico de Ron, que lançou em 1995 um CD instrumental batizado "The Adventures Of Bumblefoot", e ficou conhecido nos últimos anos por fazer trilhas sonoras para a MTV e CNN, além de trabalhar com artistas como Cher e Jessica Simpson.

Ele têm um site oficial no link www.bumblefoot.com, onde estão disponíveis inclusive MP3 para download.

Vale a pena dar uma conferida!!!

GARAGEM - CD “ BOO – Daniel Pique ”

GARAGEM - CD “ BOO – Daniel Pique ”




Faixa 01 – Croak:

É a música de abertura do CD, já mostrando que, o que está por vir, não se trata de mais um projeto com apenas melodias bonitas e virtuosismo avassalador. Alem de um extremo bom gosto tem uma mistura única do jazz contemporâneo com o rock and roll! Compassos imprevisíveis, deixando o ouvinte sempre na expectativa e total atenção.

Faixa 02 - Over Dee Moon:

Esta música é pura pegada! Aqui mostra claramente que não poderia ser outra pessoa tocando do que Billy Sheehan e Mike Mangini. Arranjos bem característicos de todos os músicos. Uma faixa alegre que muita gente gostaria de ter composto em sua carreira!

Faixa 03 - Peacok Ink:

Simplesmente começa com um solo livre matador de Mike Mangini com 40 segundos de duração sendo interrompido por um turbilhão de peso, pegado e fórmulas de compasso maluquissimas! A música é pura tensão até chegar em pouco mais da metade, aonde uma paisagem sonora de calmaria se aflora, mas que não dura muito tempo e começa algo que chamaria de insanidade (haha). Percebo muita influencia de Planet-X. Esta faixa faz jus à capa do CD (haha)

Faixa 04 – 1960:

Música dedicada ao pai de Daniel Pique que veio a falecer na pré-produção do disco (informação no encarte). Realmente podemos afirmar que é uma balada de puro feeling abrindo espaço no solo para gritos guitarrísticos de desespero. Piano, baixo e guitarra de mãos dadas para o precipício até o final da música. Uma boa trilha sonora para a vida de qualquer pessoa.

Faixa 05 - Pigs Might Fly!:

É uma das músicas rotuladas “música de trabalho” do guitarrista. Ouvindo o conjunto do projeto percebo que Daniel tem uma personalidade forte ao compor e tocar. Esta música está bem mais rock clássico que as outras, mas, mais uma vez, o músico coloca elementos que chegam a surpreender. Alias, o próprio nome da música já traduz com certa clareza o que se pode esperar desta música: “Porcos podem voar!”

Faixa 06 - They Snickered At My Dreams:

Música que, por influência do título e a soma de harmonia mais melodia, me deu a impressão de um desabafo e superação. Muito bonita, serena, mas sem deixar o peso de lado. Podemos perceber também influencias de outros estilos no desenvolver da música.

Faixa 07 – Purr:
Balada para não colocar defeito! Muita influência de Jeff Beck, mais uma vez com piano, baixo e guitarra em sintonia total. Aqui o bom gosto impera. Melodias e solos de Daniel na medida certa com direito a solo de Billy Sheehan mostrando todo o seu feeling. Podemos destacar os timbres da guitarra que, em hora, me deu a impressão de um sax!

Faixa 08 -The Short Of Nutcase:
Quando você acha que já ouviu de tudo nas faixas anteriores… entra Purr. Mistura de Funk Americano sendo embalada por Slaps no violão, mas que logo se transforma em levadas de MPB. Diferente.

Faixa 09 – Colic:
Citadas em resenhas de outros sites, Colic tem influencias diretas de The Doors. Com Yaniel Matos no teclado, já poderíamos esperar influencias cubanas. Mas, alem do estilo unido do guitarrista presente em todas as faixas, este em especial tem mistura de reggae, rock, cuban music e blues. Realmente faz sentido o que Daniel quer dizer quando classifica sua música como Open Music.